Carregando...

Casa de Colorir e Bom Negócio: a retrospectiva do amor

31/12/2014

Desde que o blog começou a conquistar mais e mais leitores (sim, eu não esperava ter leitores no começo, achei que esse blog seria um diário da evolução da minha casinha), eu comecei a sonhar em tirar o Casa de Colorir do online e encontrar cara a cara essas pessoas que pensavam como eu. Pessoas essas que entendiam o poder de um colorido e que tinham força de vontade e coragem para colocar a mão na massa e transformar as coisas. 

Quando o blog fez dois anos, comecei então a promover oficinas aqui no Rio, onde eu tinha a oportunidade de conhecer pessoas lindas e coloridas, que sorriam por dentro e por fora! E todo mundo mergulhava nas tintas e pincéis e, juntos, a gente pintava o sete. Se ter tanto leitores tinha sido uma grane surpresa lá no começo, as oficinas, por outro lado, eu já tinha muita certeza de que seria um projeto muito amado. O motivo? Simples, mas não tão simples: o poder do autoconhecimento - descobrir do que você é capaz artisticamente pode te abrir muitas janelas (e portas). E poder contribuir para o despertar de uma sementinha criativa dentro das pessoas é um privilégio - e talvez até minha missão. :)

Pois bem. Até 2013, as oficinas aconteciam somente no Rio. Mas, em 2014, uma proposta chegou para me encher de orgulho: o Bom Negócio entrou na jogada como patrocinador do projeto! Havia chegado então a hora de levar as oficinas para outras cidades do país! E foi aí que eu fiquei feliz em dobro: poder viajar o Brasil, conhecer muita gente nova e multiplicar, mas também tinha encontrado um parceiro que tinha tudo a ver com a nossa filosofia: um site de compra e venda de objetos usados. E assim nasceu o Projeto Mão na Massa. :)





Para participar das oficinas, não era obrigatório comprar nenhum móvel no site do Bom Negócio. Você poderia levar o seu móvelzinho velho de casa e eu te ajudava a dar aquela repaginada. Para quem não tinha nenhum móvel para reformar, essas sim, conseguiam alguns garimpos incríveis através do site e chegavam lá todas orgulhosas com o móvel debaixo do braço, se gabando da pechincha. Nós ainda dávamos a ideia: agora que já sabem que é possível e como fazer, que tal começar a reformar móveis assim e montar um canal de venda online por lá? E tinha gente que até sonhava alto em mudar de profissão e virar artesão. :)




Cinco cidades, 150 artistas orgulhosos, 150 móveizinhos sem graça que ganharam vida no Projeto Mão na Massa.

A primeira edição foi em SP, no charmoso hostel Ô de Casa, na Vila Madalena. E olha... acho que podemos chamar essa edição de Extreme Projeto Mão na Massa. Calor de 40 graus, chuva, e mais calor de 40 graus, vento... Meu... São Pedro pegou pesado com a gente. Minhas alunas ganharam certificado de artes manuais, mas mereciam também o de resistência física rs. Mas, no fim das contas, resultados e sorrisos felizes, ó aí em cima. Nessa edição, a Flok Tecido Adesivo deu um super apoio de material, e muitos móveizinhos ficaram mais alegres depois do revestimento. 

Quando eu cheguei na Casa Una para a nossa edição mineira, meu coração até bateu forte, tamanha a beleza desse casarão tombado que abriga o centro de cultura. O desafio da turma era deixar esse piso de madeira, original da época, sem um pingo sequer de tinta. É claro que forramos o chão. E também ensinamos a pintar como se estivéssemos pintando na nossa própria casa. Uai, não é que deu certo?! :)

Mas bahhh! Não era pra ser frio em Poa?  Capaz... Acho que estava mais calor do que no Rio. E mesmo assim, me ofereceram um chima. E eu sou dessas de negar um chima? Os meninos do Catalise Coworking nos receberam muito bem e a bagunça rolou solta no jardim. A tintas Coral, nossa apoiadora e parceira querida, também não deixou faltar cor.


Fazer arte, numa galeria de arte. Oxe, e quer inspiração melhor? Nossa oficina de Salvadô foi um luxo só, de frente para o mar, na Urban Arts Salvador. O povo da Bahia não é só caloroso, viu, é também inspirado! Quantos abraços, quanto xêro, quantas lindezas... :)


A quinta e última edição de 2014 aconteceu em Curitiba, no Nex Coworking, um casarão antigo e maravilhoso por onde transborda inspiração e ideias fora da caixa. Nessa edição, contamos com o apoio e carinho da Betyane, que é dona da loja Santa Composição. Além de nos presentear com rolos e rolos de tecido adesivo para usarmos nos projetos, também sorteou alguns kits de material entre as participantes.


Ufa! Olhando assim, parece até que não deu trabalho. Com receio de não encontrar os materiais na cidade em questão, eu e a Anna, que trabalha comigo, viajávamos com TU-DO. Lixa, furadeiras, martelo, pregos, acabamentos, massas, pinceis, bandejas, materiais de limpeza, puxadores... tudo isso para 30 pessoas. Até um incidade clandestino com tintas no aeroporto aconteceu rs. Mas quem se lembra do trabalho que deu? Eu só lembro dos sorrisos, dos abraços, do aprendizado, da troca, da emoção e dos olhinhos brilhando. E eu só tenho a agradecer ao Bom Negócio um patrocinador mais que amado, que acreditou no meu sonho e fez acontecer, aos meus queridos apoiadores e, acima de tudo, aos participantes, que não economizaram no carinho. Posso ser cafona? Levei cor, e só ganhei amor. ♡

Que venha 2015 e mais viagens, mais pessoas, mais inspiração e muito mais mão na massa! 


Como fazer uma árvore de Natal de papel: ainda dá tempo!

18/12/2014

Ainda não tem árvore de natal aí na sua casa? Mas falta uma semana... bom, não quero deixar você mais ansioso. Eu tô aqui pra ajudar, e não pra piorar. :)

Você pode passar de 0 árvore para 4! É fácil, é barato e é de papel. Ah, e é lindo também! Olha só o vídeozinho que eu gravei para o natal do GNT. Clique para assistir lá na página do canal:



E para a porta de casa, já garantiu algum enfeite natalino? Então aproveita e aprenda como fazer essa guirlanda de pom-pom, ó:



Presentinhos de natal baratos e charmosos: o caminho das pedras!






Ainda não comprou as lembrancinhas de natal? Tá sem dinheiro? Tá sem tempo? E quem disse que você precisa gastar muito para garantir um sorriso daquela pessoa que é especial pra você? E nem estou falando para você colocar a mão na massa dessa vez não... rs 

Mastigamos Listamos nesse post pra você 10 lojas legais no Saara (centro do Rio) para você garimpar presentinhos charmosos para esse natal!


1 - Lar Doce lar: Rua da Alfândega, 322/324/326



* Garrafas de vidro coloridas para o bar, a estante, ou para a geladeira mesmo: R$12 / R$15



2 - Ka-ka Presentes: Rua da Alfândega, 295




* Cestos charmosos para manter alimentos fora da geladeira, longe dos mosquitinhos: R$30
* Copinhos de porcelana chinesa para saquê ou(por quê não?) um café: R$5.90 cada.



3 - Linda Presentes: Rua da Alfândega, 297/301




* Kit de chá (bule, xícara e copinho) de Matrioska: R$43,20.
* Dupla saleiro e pimenteiro de Matrioska: R$17
* Moringa de bonequinha: R$34.



4 - Balisun: Rua Buenos Aires, 323




* Kit Moringa Frida Kahlo: R$149.
* Ganchos de porcelana: R$49
* Almofadas: R$59.
* Estátua Buda: R$49.



5 - Rio Alegre Festas Presentes: Rua Senhor dos Passos, 131




* Vaso de porcelana passarinho: R$27,90.
* Escultura passarinhos porcelana: R$18.
* Vasos de porcelana: a partir de R$30.
* Cachepô esmaltado turquesa: R$32,90.



6 - BrinkMania Loja 1: Rua Senhor dos Passos, 93/95




* Bowls lisos de porcelana, para você soltar a imaginação de pintar com canetinha específica para cerâmica. Fica lindo ou não fica? R$5,50.


7 -  KW Flores: Rua Buenos Aires, 161




* Vasos de porcelana: R$26.
* Lamparinas de metal casinha: R$20.




8 - Shin Shin Rio Presentes: Rua da Alfândega, 330




* Copinhos para vela de vidros coloridos: R$8,90.
* Molduras de porta retrato: R$19,90.
* Porta-velas de flores coloridas: R$12,90.


9 - BellaCasa: Rua da Alfândega, 338A




* Cinzeiros retrô bem humorados: R$12,90
* Porta-biscoito sorvete: R$32,90.
* Porta-temperos de gueixa: R$16


10 - BrinkMania Loja 2: Rua da Alfândega, 316


* Lamparinas porcelana: R$13,50.



O trabalho é aqui »♥«

26/11/2014

Sim, sim, eu tinha um ateliê. Pequenininho, lindinho, montado com todo o carinho do mundo, e... longe de casa. E aí, ao longo de uns meses de idas e vidas, trânsitos e estacionamentos, foi caindo a ficha de que ter um espaço de trabalho longe de casa não estava funcionando pra mim. Aliás... "espaço de trabalho"... hum... soava estranho. O problema era todos os meu materiais, que antes estavam sempre à mão, e passaram a morar láaa no ateliê... Aí sabe aquelas noites em casa quando tudo o que você quer fazer é colocar um álbum inteiro pra tocar, abrir um vinho e pintar uma cômoda madrugada a dentro? rs Pois é... ficava só na vontade...não tinha tinta, pincel, lixa... nada. Estava tudo no "tal do ateliê" , lugar esse de trabalho com hora marcada pra inventar, pintar e bordar. E quer saber? Gostei não. E me dei a chance de mudar de ideia... e me mudei. Agora é tudo de novo no mesmo lugar: morar e pintar. Separar isso tá meio errado, tá não? Quero os meu materiais comigo noite e dia, a hora que bater uma vontade. E esse foi um dos principais motivos de eu ter me mudado: pra ter o tal do no quartinho ao lado. :)




A continuar...


»♥«





Decoração, artesanato, cor e muito mais: 24h no Recreio dos Bandeirantes

18/11/2014

Eu aposto que você não sabia dessa... mas quando eu morava com a minha mãe, antes de eu ter a minha própria casinha de colorir, eu morava no Recreio dos Bandeirantes, aqui no Rio! Por isso, foi com muito prazer que eu aceitei esse convite da Queiroz Galvão para participar da ação de lançamento do Barra Village Lakes, um condomínio lindo que está chegando ao bairro, com apartamentos com carinha de casa... ah quem me dera... meu dia vai chegar. :)

Minha missão? Passar 24 horas no Recreio e dividir com você as minhas dicas, os meus locais favoritos. E é claro que não podia faltar muito artesanato, cor e decoração. Mas pra quê falar mais, quando temos um vídeo todo pra te mostrar, não é mesmo? 

Luminária Tropical

14/11/2014



Uma luz suave e amarelada no canto do ambiente é capaz de deixar qualquer espaço mais aconchegante e charmoso, num acender e apagar de luz. Agora imagina só conseguir tudo isso com uma dose de bom humor e, o melhor, feito por você? Você não vai precisar de muitos materiais para colocar a mão na massa e criar a sua própria luminária de abacaxi! Dá pra aproveitar até alguns materiais que você já tem em casa. Essa é a lista:

- 1 abajur pequeno com lâmpada 
- 1 garrafa PET de 2L
- Colheres de plástico amarelas ou pintadas de amarelo
- 1 cartolina verde
- Cola quente
- Estilete ou faca olfa





1: Retire a cúpula do seu abajur, você vai precisar somente da base e da lâmpada.

2: Com a ajuda do estilete, corte a parte superior da garrafa. Ela será a estrutura da nova cúpula do seu abajur-abacaxi.

3: A cúpula deverá ficar assim.

4: Encaixe a cúpula de PET na estrutura do seu abajur.

5: Corte os cabos das colheres com uma tesoura.

6: Se as suas colheres não forem amarelas, agora é a hora de pintá-las, usando tinta em spray amarela.

7: Comece pela parte inferior da cúpula e use a cola quente para fixar cada colher nela.

8: Você deverá colar a segunda cama por cima da primeira, como se fosse uma escama. A terceira por cima da segunda da mesma forma, e assim por diante.

9: Até chegar no topo, como mostra a figura.

10: Recorte o molde em cartolina para fazer o topo do abacaxi.

11: Curve as pontas para simular a coroa de folhas características da fruta.

12: Cole o recorte no topo da cúpula.

13: Cole, uma a uma, outras folhas soltas para formar a coroa do abacaxi. Cerca de 8 são suficientes.

14: E tá pronto para ligar na tomada!


Ei... Lembra da luminária de colherzinha que eu fiz? Não? Então olha aqui que eu acho que você vai gostar!

Natal de casa renovada

06/11/2014


Lembra da Iggo Decor, aquela loja de móveis lindos que mostrei no mês passado, responsável pelas mudanças coloridas aqui na salinha de casa? Olha só o vídeo de Natal que eles prepararam para você se empolgar e transformar a sua casa nessse fim de ano! :)





Como estampar sua parede

04/11/2014

Se você quer promover uma mudança de efeito naquele ambiente da sua casa que tá precisando de um charme a mais, o conselho que eu te dou é: invista nas paredes. Uma cor, uma textura ou até um padrão novo pode fazer milagre! Agora, se você não leva muito jeito para pintar parede ou o orçamento tá curto para investir em papéis de parede ou outros revestimentos, que tal lançar mão dessa ideia simples, mas que garante um efeito de impacto em poucos minutos? Vamos aprender a carimbar as paredes? Então vamos. :)

Materiais:


- Impressora HP Deskjet Ink Advantage 3546 + Cartuchos Originais HP 662 XL Preto e Colorido
- 1 pedaço pequeno de EVA
- 1 taco de madeira de aproximadamente 10x10cm ou um pouco maior do que o seu carimbo.
- tinta acrílica na cor preta
- pincel
- 1 molde impresso
- tesoura
- cola extra forte

carimbo será feito a partir de um recorte de espuma EVA, fácil de encontrar em papelarias e lojas de artesanato. Para fazer o molde, eu imprimi esse formato de libélula na minha impressora, em casa mesmo. E fica a dica: quanto mais simples for o formato do seu molde, mais fácil e bem acabado será o seu projeto. Âncoras, corações, nuvens, flores, gotas... existem uma infinidade de formas simples e lindas para você escolher.


Depois de imprimir a forma, vou recortá-la e usá-la como molde para desenhar sobre o EVA. Então basta recortar o EVA com cuidado, para que seu carimbo fique regular e garanta um bom acabamento na parede.







Para fazer a base do carimbo, usei um pedacinho quadrado de madeira que eu já tinha em casa. Você pode usar qualquer peça plana, como um azulejo por exemplo. Para fixar a forma na base, usei cola extra forte.


O carimbro está pronto! Para começar os trabalhos basta aplicar a tinta (estou usando tinta acrílica fosca na cor preta) com a ajuda de um pincel e retirar bem o excesso para evitar borrões na parede. Para testar a qualidade do carimbo, aplique o mesmo sobre uma folha de papel. Estando OK, pode partir para a parede! É legal testar algumas vezes no papel para que você pegue prática antes de arriscar tudo na parede.



Teste aprovado? Agora é simples, basta começar a carimbar!



Parede renovada, com menos de R$20, e em menos de 2 horas!






Esse é um projeto que estou fazendo em parceria com a HP. Meu desafio é mostrar como podemos usar a nossa impressora como aliada na hora de decorar, fugindo do lugar comum, que seria logo pensar em posteres e fotos, não é mesmo? Espero que tenha gostado dessa ideia! Até o final do ano, duas vezes por mês, vou dividir com você aqui no blog uma ideia diferente. Por uma impressão mais consciente, e que faça a diferença no nosso dia a dia, de uma maneira mais especial. :)

Para conhecer todas as minhas ideias do projeto, visite a minha página lá no Mundo de Ideias HP. 


Um edredon pra chamar de seu. Mesmo.

21/10/2014

Vamos combinar? Edredon não é lá uma coisa muito fácil de se comprar. Primeiro que não é lá assim tão barato. Segundo, não é toda estampa que a gente acha que combina com o restante do nosso quarto. O resultado? Uma cama neutra, sem nenhuma ou quase nenhuma graça, com um edredon liso, "pra combinar com  tudo". Eu sou daquelas que acredita que a sua cama não tem só que combinar com o seu quarto. Tem, antes de tudo, que combinar com você.

E é por isso que hoje eu tô aqui pra dividir com você o resultado da minha aventura pra deixar um insosso edredon branco em uma festa do abacaxi. Estampar edredon?! Isso mesmo! 

Materiais:

- Impressora HP Deskjet Ink Advantage 3546 + Cartuchos Originais HP 662 XL Preto e Colorido

- Papel transfer

- Ferro de passar roupas

- Estampas 

- Tesoura

- 1 edredon liso.




O primeiro passo é escolher a sua estampa favorita para o projeto. Como eu 
sempre quis um edredon com estampa de abacaxi, não foi difícil concluir essa 
etapa. Com a imagem em mãos, ou melhor, no computador, é hora de imprimi-
la, em casa mesmo! Para conseguir transferir a imagem para o tecido, vou usar 
uma folha de transfer, que você encontra em lojas para artesanato e papelarias. 


É importante ler as instruções de cada fabricante sobre os tecidos aceitos e suas respectivas cores. Eu usei um pacote com 10 folhas A4 para tecidos brancos e imprimi 2 abacaxis por folha, totalizando 20 abacaxis.



Para transferir a imagem, basta posicionar uma já recortada sobre o tecido com a parte impressa para baixo e pressionar com o ferro bem quente por uns 20 segundos. Dica: para proteger o tecido e evitar que ele queime com o calor excessivo, eu coloco uma folha de papel vegetal entre o transfer e o ferro. Depois de deixar esfriar um pouco, basta remover o filme protetor do transfer e conferir sua estampa! 



E 20 abacaxis depois... edredon novo, quarto renovado com a MINHA estampa, só minha. E quando eu digo só minha, você sabe do que eu tô falando...




E aí? Qual é a sua estampa favorita? O que eu mais quero é ver você criar a sua. Me mostra? 


Esse é um projeto que estou fazendo em parceria com a HP. Meu desafio é mostrar como podemos usar a nossa impressora como aliada na hora de decorar, fugindo do lugar comum, que seria logo pensar em posteres e fotos, não é mesmo? Espero que tenha gostado dessa ideia! Até o final do ano, duas vezes por mês, vou dividir com você aqui no blog uma ideia diferente. Por uma impressão mais consciente, e que faça a diferença no nosso dia a dia, de uma maneira mais especial. :)

Para conhecer todas as minhas ideias do projeto, visite a minha página lá na HP Create. 


A mesa amarela: a mesa da alegria

01/10/2014

Desde que eu resolvi morar sozinha, sempre sonhei com uma mesa de jantar redonda, onde os amigos pudessem sentar de frente uns para os outros para aquele jantarzinho e bate papo demorados. Mentira! Quer dizer, meia mentira. O que eu sentia falta mesmo na tal da mesa redonda eram das noites de carteado, que iam madrugada a dentro (sem falsa modéstia, sou a rainha da Canastra, que aprendi a jogar - e arrasar - com a fera das feras, minha avó). 

Nos planos para a casinha nova sempre esteve a troca da tal da mesona retangular de madeira. E não, não iria me desfazer nunca dela! O que eu mais queria era uma mesa linda e redonda para a sala, para que aquela grande de madeira fosse para o ateliê, até então, sem mesa de trabalho!

E quando eu digo que as coisas conspiram a meu favor de uma maneira fora do comum, você acha que estou brincando. Há algumas semanas, a Iggo, uma loja linda de móveis e objetos de decoração, entrou em contato comigo propondo uma parceria. E quando eu comecei a pesquisar os produtos do site e me encantar com cada um, eis que dou de cara com a mesa amarela! Pronto... tinha que ser ela! Mas ainda faltavam as cadeiras. Afinal, eu só tinha duas. E para jogar uma canastra de respeito, precisamos de duas duplas. Foi então que garimpei lá no site duas cadeiras turquesa. Hum..... amarelo e turquesa... como não amar? Clique um, clique dois, era só contar os dias para os meus novos xodós chegarem. E não é que chegaram? :)


Agora a salinha de jantar tá assim, colorida, alegre, e pronta pra receber os amigos, porque agora eu moro pertinho deles! 

Se você gostou da mesa e da combinação das cadeiras turquesa tanto quanto eu, vale o clique e o passeio no site da Iggo Decor para encontrar outros móveis lindos, com combinação de cores vibrantes e madeira, além de outros produtos cheios de personalidade como poltronas estampadas e aparadores coloridos. E olha só: conversei com eles e eles ofereceram 15% de desconto nas compras do site para os leitores do blog! Quando for finalizar a compra, basta inserir esse código para cupom desconto: CASADECOLORIR, válido até até 31/10/2014.

Salinha nova, vida nova. Com mais jantares, amigos e, é claro, muito carteado! :)





:)

Casa de Colorir: tudo de novo :)



Aperta o play pra ouvir a música e vem comigo que eu te conto... 

Então... me mudei. :)





É a Casinha de Colorir apertando o reset. Cheia de amor e vontade de colorir tudo de novo, e de novo, e de novo... 


Meio a meio (ideias para pintar móveis sem cobri-los totalmente)

25/08/2014


Não é uma questão de economia de tinta. Muito menos de indecisão. Na hora de dar aquela repaginada em um móvel, parar na metade, muitas vezes, pode ser o charme que faltava para o projeto. Móveis com pinturas "meio a meio" dão um toque moderno e inusitado a qualquer cantinho da sua casa.

Uma cadeira, uma mesa, até um armário inteiro: já pensou em colorir uma metade e deixar a outra no seu acabamento original? Para os móveis de madeira nobre, esse estilo dá uma renovada e tanto, mas sem esconder a beleza da matéria prima original.








Então prepare a sua cor favorita e muita fita crepe para demarcar as áreas que deverão ou não receber a tinta! Quanto mais cuidadosa for essa parte da preparação com a fita, melhor será o acabamento final.




E aí? Tem algum móvel aí na sua casa que poderia ser forte candidato a essa transformação? Tá esperando o quê para colocar a mão na massa? E eu? Eu fico aqui esperando para ver as fotos do antes e depois. :)




Cê sabia que, há um ano, semana sim, semana não, eu tô lá no blog da Maria Filó, como colunista de decoração? E o post a seguir é um dos muitos que publiquei por lá. Como fiz uma enquete aqui no blog e a grande maioria respondeu que gostaria de conhecer o conteúdo que o Casa de Colorir divide também fora desse espaço, vou começar a replicar alguns favoritos também por aqui. Para esses posts, vamos usar o marcador "além do blog", combinado? Espero que você goste, pois todo filho é feito com todo o carinho do mundo. Seja para ser lido aqui ou acolá.  :)