22

Matéria de Inspiração (como fazer um móbile de sachês)

12/04/13

Eu não surfo. Mas, cá entre nós,  adoro ter um namorado que surfa. Sabe por quê? Porque eu adoro ir à praia e, pra mim, esse é o momento que me dou de presente para espreguiçar no sol e... colocar a leitura em dia. Enquanto ele tá ali na água praticando o hobby dele... eu fico aqui, mais aconchegada e preguiçosa, praticando o meu... nham nham... devorando revistas, jornais, quadrinhos, livros... enfim: o banquete é variado! Quer me ver feliz? Me dá flores, chocolate ou... faz melhor? Me dá um livro - pode ser de fotografia, de poesia e, claro, de uma boa história que alguém leu e achou que eu fosse gostar. Há pouco mais de um mês, a editora Novo Conceito me enviou um e-mail assim, me oferecendo de presente um livro, o romance "Rose Harbor".  Junto com o presente, veio o seguinte pedido: “leia e, se gostar, se inspirar, passe adiante essa inspiração". Oba! De canga, guarda-sol, Leandro e livro debaixo do braço, lá fui eu para a praia começar os trabalhos. 

O livro conta a história de superação de Jo Marie, uma mulher que perdeu o amor da sua vida de forma precoce e trágica e tenta, a qualquer custo, aprender a encarar a perda e a solidão - sim, sons de violino. Mas a história não escolhe pegar esse caminho não... Quando tudo parecia sem perspectiva, ela ouve a sua intuição, muda de casa, de carreira e até de cidade. Se re-inventa, adota um cão para ser seu fiel escudeiro e, com muita boa vontade e nada de experiência, assume o controle de uma charmosa pousada, que funciona na casa onde mora. Assim, cria uma vida dedicada a fazer outras pessoas sentirem mais conforto, não só de corpo, como também de alma, dividindo com seus hóspedes palavras e atos de carinho que fazem a diferença na vida de quem passa por lá.

Depois de 3 idas à praia, cheguei ao fim do livro com aquele gosto de quero mais. Por ter gostando da história, me senti na obrigação de atender ao pedido do bilhetinho e passar essa inspiração adiante. No livro, Jo Marie constrói um lar que virou o seu templo de cura e calmaria. E essa força e energia acabaram exercendo uma enorme influência na vida de quem passou por lá, mesmo que por pouco tempo. Por isso, pensei em fazer um projetinho que pudesse passar esse carinho também para quem visitasse a nossa casa. A ideia? Um móbile de sachês. Imagina pendurar um enfeite perfumado no cantinho da casa que também servisse de um mimo para as visitas? Cada visita que parte é um coração que vai embora junto, para servir de lembrança e colorir e perfumar um outro lar.  Basta desamarrar do galho e doar... se acabar? Faz mais coração, muito mais... o que não pode faltar é amor pra dar. Que tal uma dessas para uma comemoração ou um jantar especial? <3


Tirando o enchimento, é possível que você já tenha os materiais em casa. Mas no lugar do acrilon, você pode usar algodão, já que é em pouca quantidade! Aproveite que é outono e dê um passeio ao ar livre para garimpar o seu galho seco. Depois de água, sabão e duas camadas de verniz em spray fosco, ele tá prontinho pra uso. 



Recorte o molde de coração nos pedaços de tecido e separe duas partes para cada coração. Use a cola quente para colar uma parte na outra e deixe uma abertura para o enchimento. Depois de estofar o coração, é hora de colocar a sua essência favorita direto no enchimento, mas sem deixar muito úmido. Algumas gotinhas são suficientes. Para fechar todo o coração, use uma linha grossa e agulha. Para dar um charme aos galhos, enrolei a mesma linha usada para costurar o coração ao redor de algumas pequenas partes. Para colar, sim, cola quente!




Para pendurar os corações perfumados nos galhos, usei um barbante de fibra natural e... arvorezinha pronta! Para pendurar, você pode usar o mesmo barbante, fitas de cetim, nylon... é com você. O acabamento lá de cima foi feito com um anel daqueles de chaveiro. :) 











PS: Depois de pronto, imaginei um teto repleto desses galhos e corações decorando um casamento. E eles ainda poderiam servir de lembrancinha no final!
PS: Já percebeu que ando falando muito em casamento? Deve ser a paixão que sinto por decorar a cerimônia de outros casais. Ou seria a vontade crescendo de fazer o meu? :)

22 comentários:

Eliane disse...

Thalita florzinha, vc esqueceu de perfumar, ou estou enganada? Ficaram fofos e uma graça pra presentear quem a gente ama, tem afinidade ou apenas gosta. Adorei!!
Beijão!

Carla Fazzari disse...

Adorei Thalita! Achei a melhor definição de um "presente singelo". Um gesto de carinho pra gente, pra nossa casa e claro, para as visitas que carinhosamente vieram à nossa casa!
Amei mesmo.. aliás, assim como amo TUDO que vc faz. Parabéns!
Me ajude, pois quero fazer os meus esse fds mesmo: Não vi onde entrou o "perfumado" dos corações? Devemos usar essências?
Beijinhos...

luane disse...

ficou uma graça, parabéns!

Casa_de_Colorir disse...

Carla, graças a você, percebi que tinha "comido" um bloco inteiro do texto! Tá lá essa parte agora! Beijos e obrigada!!!

Casa_de_Colorir disse...

Pois é, tinha escrito mas não foi! Essas minhas leitoras atentas, viu... :) Tá lá agora! Beijo!

Maria Fernanda Seixas disse...

E os tecidos maravilhosos? de onde são?!

Pollyanna Guimaraes disse...

Ficou muito fofo... e esta Frida de fundo? muito amor ♥

Gabi Alberti disse...

Aiii que liindo! Adoreiiiiiii!! No meu casamento eu pendurei vários corações, mas eram de origami com folhas de livros velhos! Ficou bem legal! E foi como vc falou, o pessoal levou pra casa. E coração de tecido eu coloquei atrás das cadeiras, um em cada! Esse sim o pessoal levou mesmo!! hahahaha Bjos

http://www.scrapbi.com.br/

Danusa disse...

Coisa marlinda!
Adorei as ideias de casamento pipocando por aí. Casar é bom demais.
Beijos,

Elaine Gomes Ribas disse...

Coisa mais linda Thalita...

Aline Cyrino disse...

Como vc prendeu no teto??

Micheli Fanalli disse...

Seu blog foi um achado incrível! Estou amando tudo!!!
Parabéns!!! Adorei este móbile! E presentear os amigos então... é tudo de bom!

Patrícia Gomes disse...

Muito lindos (o móbile e a resenha). Xêro

Sarah Zinato disse...

que amor esse blog!!! vi seus posts e já animei a fazer aquela parede com patchwork no meu quarto! :) Parabéns, Thalita, seu blog é incrível!! ^^

Layanne Eduarda disse...

Adorei seu blog, vou começar a segui-lo, achei por acaso e já estou amando.

Elaine Gomes Ribas disse...

Thalita, gostaria muito de fazer alguns posteres bem retro para minha cozinha, porém as imagens que consigo são ruins ou vêm com alguma propaganda. Vc tem arquivos que possa me ajudar a montar alguns bem bacanas? Please!!! Bjos. Sou sua fã. Elaine

Val disse...

tai um casamento que eu queria ser uma mosquinha pra ir!!! (prometo ser uma mosquinha bem limpinha)

Erivania disse...

Thalita, lindo, poético e cheio de amor este post! Aliás muito amor, hein.. acho que tem cheirinho de casamento vindo da dona deste blog, rs.

Renata Moreira disse...

Olhe Tallita meu casamento é todo faça vc mesmo e vai ter tudo...eu fiz estes corações para ficar pendurados na arvore do altar e eles são chaveiros...

Gabriela Barros disse...

Onde encontro esses tecidos no Rio, Sampa ou na internet?

Luiz Fernando Brasil disse...

Eu fiz um, usei origami no lugar do coração, ficou mais barato pq foi de papel... E foi mega sucesso! Todo mundo quer!

Laís Barbieri disse...

Oi! Ontem por um acaso andando pela internet esbarrei no seu blog e por um acaso maior ainda, faz alguns meses que li esse livro e ele me inspirou a começar a fazer artesanatos. Que loucura não? Amei o carinho com que você escreve e se dedica à sua arte. Parabéns!

Fique por aqui e passeie por outras histórias. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...