3

Como fazer uma luminária com menos de R$20

10/10/12

O que eu não faço por vocês me digam? Como as fotos da Oficina que aconteceu no Morar Mais por Menos na semana passada não foram suficientes para que você entenda o passo-a-passo da luminária que ensinei por lá, resolvi fazer mais uma luminária em casa, com todos os detalhes pra você conseguir fazer igual! Vamos lá? Pra começar, como de costume, os materiais todos reunidos e já se aquecendo para entrarem em campo:


Fita Crepe | Durepox (ou similar) | tesoura | 1 garrafa PET cortada | fita adesiva | 1 bocal de lâmpada 14 | 1 lâmpada de luz fria 14 | a tinta em spray que você tiver em casa | estilete | 1 extensão | 30 colheres de plástico | alicate de descascar fio (desejável, mas não obrigatório) | alicate comum | cola quente.


Vamos começar preparando o fio para receber a lâmpada. Calma, não desista nesse momento! Parece complicado, mas é tranquilo. Depois que você conseguir passar por essa etapa, você vai se sentir a pessoa mais poderosa do mundo, vai por mim rs. Para essa etapa, vamos precisar de 1 fio paralelo, 1 tomada, 1 alicate e 1 bocal de lâmpada. Para quem não sabe, o fio paralelo é esse que são 2 coladinhos 1 no outro. Como eu queria o fio colorido (e fio colorido paralelo é tão difícil de achar), resolvi comprar essa extensão linda amarelinha que estava à venda no Leroy e cortar a parte da tomada fêmea, essa dos buraquinhos. Assim, além de poupar o tempo de ter que instalar a tomada, ainda consegui um kit todo coloridinho. Essa extensão custou R$9,90.


Entendendo o bocal. Não é um bicho de sete cabeças. O bocal possui uma parte de rosca que se divide em 2 partes. Essa parte dos parafusos deve ficar aberta para que o fio entre nos buraquinhos. Basta soltá-los com uma chave Philips.


Com o alicate, cortei a parte fêmea da extensão.


Separei uma parte dos 2 fios paralelos e usei o alicate de descascar fio para... isso mesmo, descascá-los. Você pode fazer essa etapa com alicate ou estilete. Mas vai por mim, ter a ferramenta certa é meio caminho andado!


As duas partes devem ficar assim, com aproximadamente 3 cm de fios aparentes.


Depois, basta torcer os fios, dobrá-los ao meio e encaixá-los nos buraquinhos do bocal. Para que eles não fujam, use a chave Philips para apertar os parafusos.



Atenção pessoal, não quero minha orelha quente não, hein! Prestem atenção: dentro do bocal, onde a lâmpada entra, existem 2 "linguetinhas" de metal. Uma deve estar abaixada, para encostar na base da lâmpada e 1 deve estar levantada, para encostar na sua lateral. Não cometa a burrice de levantar as 2 linguetinhas e dar um curto circuito na tomada como eu fiz, hein. É simples e a maioria dos bocais já vêm com um levantado e outro abaixado. Então, só se certifique antes de que ele está dessa forma antes de colocar a lâmpada e ligar na tomada. Ah, e verifique também a voltagem da lâmpada para que ela tenha a mesma voltagem da tomada em questão. Fios e bocais não têm voltagem, somente a lâmpada, ok? Pronto, agora você vai rosquear a lâmpada, ligar o fio na tomada e ela vai acender. E você vai fazer dancinha da vitória com certeza na sala se achando uma eletricista.


Agora que você tá confiante e com motivação, vamos partir para a cúpula. Eu usei uma garrafa de água mineral. Mas você pode usar qualquer garrafa PET, é só escolher o formato que mais te agradar. Com um estilete, corte a garrafa na altura desejada, imaginando que ela será a cúpula da sua luminária.


Com a ajuda de um alicate, corte as colheres de plástico na base, deixando somente uma pequena parte (aprox. 1/2cm) sobrando para que essa seja a área de colagem. Não quebre as colheres com a mão pois, além do risco de se machucar, o alicate deixa os cortes mais regulares.


Use uma outra garrafa ou até a própria lata de tinta em spray para apoiar a garrafa que vai servir de cúpula. Com a cola quente, comece pela parte inferior e vá colando as colheres, uma ao lado da outra. Para um melhor acabamento, sobreponha as colheres sempre na mesma direção. Ou seja: escolha uma direção para sobrepor as colheres e mantenha dessa forma até o fim.


Depois de cada fileira pronta, dê uma volta com a fita adesiva transparente para reforçar a colagem e evitar que elas saiam do lugar e acabem forçando a cola quente.


Agora e só encaixar o bocal da lâmpada (ainda sem ela) e fazer o acabamento com o durepox. Faça uma cobrinha com a massa, a transforme numa tira e envolva todo o bocal. Com a ajuda das mãos úmidas com água, molde a massa até ficar do seu agrado.


Deixe secar por 1h e depois aplique a tinta em spray sobre o durepox. Antes, proteja bem as colheres e o fio com fita crepe para não estragar o que você já fez até agora! Depois não diga que não avisei. :)



E pronto! Agora é só esperar secar e pendurar sua luminária no seu cantinho preferido.!








Algumas dúvidas que vocês podem ter:

>> não, a lâmpada não derrete o plástico nem as colheres, fiz o teste, tenho na minha casa e dá certo.
>> se você ficar inseguro, use uma lâmpada fria e com baixa potência. Aqui em casa eu uso uma lâmpada normal, amarela de 8W e dá certo. Já deixei 24 acesa para fazer o teste e está tudo ok.

Agora o mínimo que você pode fazer por mim é enviar uma foto da sua, caso você se anime de fazer em casa. :)


3 comentários:

Anônimo disse...

Caraca, ficou muito legal!!!! AMEI. Parabéns pelo trabalho :)

Maria Morais disse...

Criativo d+...como dizem aqui 'arretado de bunito', em breve tento a minha. Valeu! Xero grande Maria Morais

Julia Louvise disse...

Thalita,

Queria fazer uma dessa, mas com garrafa de bebida, tipo tequila.
Como posso fazer um furo no vidro para passar o fio?
Meu email: julia_louvise@hotmail.com
Quem sabe um post sobre isso?

Muito obrigada,

Julia

Fique por aqui e passeie por outras histórias. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...