98

Cores de março

18/03/12

Image and video hosting by TinyPic
SHIFT+Clique
 "São as águas de março fechando o verão..." ... e trazendo novos ares aqui pra casa também. Depois de 2 verões, quem se despede da gente é a parede rosa. A casa pedia novas cores que combinassem com essa nova fase de 2. 
 
Sei que não faz o menor sentido, mas tem sido interessante pensar num colorido "que homem goste". Porque, no geral, ser "colorido" no gosto deles é fazer uma mistura que transita entre o marrom, o branco, o preto, o cinza e, quando ousados, o azul. É assim aí também?

Pois tem leitora que me conta que o marido faz até "cota para colorido" em casa. Nesses casos, a coitada tem direito a 2 almofadas estampadas, ou 1 tapetinho florido, ou a parede cereja da sala e olhe lá! Tem que escolher 1 opção e "lamber os beiços", tadinha.

Mas a verdade é que dá pra abrir mão das cores de moça, vai... O que não dá é pra ficar sem um colorido. A saída? Conciliar. Aqui, ele escolhe as cores. E eu, o que fazer com elas. Vida que segue colorida e sem conflito. 

Mas antes de mostrar o resultado, preciso fazer o maior parênteses da história desse blog:  agora eu tô toda toda porque costuro, né? :)
Cá pra nós... se eu soubesse que costurar era tão delicioso, eu teria começado nessa vida muito antes! Finalmente eu aprendi a costurar! A máquina nova? Ih, é uma longa história: a máquina não é nova, sempre esteve aqui, fica dentro da mesinha amarela da sala. 


O meu mais novo xodó é uma Singer modelo 15-89 de 1938 que perteceu à minha tia avó Juracy - mas só a chamávamos de Dindimba. Desde que me mudei para cá, trouxe de presente o gabinete da máquina para fazer de aparador. Por 1 ano e meio ela esteve aqui embrulhada, desenganada e eu cega, mergulhada nos planos de comprar uma máquina "fácil de mexer para iniciantes". Um belo dia, me deu o estalo e pensei: "que máquinha nova que nada"... subi na escada, resgatei o pedal lá no alto do armário, abri a máquina, sacudi a poeira, pluguei na tomada e - juro - foi lindo: a máquina acendeu sua lampadinha e funcionou lindamente, como se me desse um "Oi, cordei, cadê costura?", depois de décadas sem uso.


Não preciso nem dizer que os planos de comprar uma "máquina mais prática" foram pro beleléu, né? Foi preciso 3 visitas de emergência da minha mãe para ensinar a colocar o fio na agulha e dar o 1o passo. Sim, 3 visitas + uns 5 atendimentos por telefone. Ela vinha, ensinava eu fazia tudo certinho. Quando tentava sozinha depois, não ia. Que raiva que dava! O manual virou o meu melhor amigo e depois de muita surra, consegui me relacionar com a bichinha. 

Fecha parênteses. :)


Depois da máquina domada, novas almofadas e forro para as cadeiras saíram do forno. E sente só a técnica da pessoa: nos dias em que ele encrencar com as flores e a Frida, é só virar a almofada pro lado marrom e fica tudo certo.

Pra fazer os novos forros, desfiz o atual para copiar a costura. Fiquei me achando depois que vi o resultado rs.

As molduras ganharam nova cor e novo recheio: posters da revista Santa Art Magazine que vieram na edição #5.


E era aí, dentro dessa mesinha amarela, que a máquina adormecia até me conquistar de vez e ganhar vida novamente. 

98 comentários:

Fernanda Reali disse...

Eu morria de medo de costurar e isso nunca fez parte da minha vida. Até que um dia tive curiosidade e...postei aqui: costurando pensamentos. Tudo mudou. Fiz aulas aprticulares com a patricia daltro, comprei mini Janominha, fiz dúzias de almofadas variadas... Me renovei ao fazer uma atividade  "antiquada".

http://www.fernandareali.com/2010/05/costurando-pensamentos.htmlAdorei as almofadas e  a máquina. Adorei tudo!

Atelie Cusca disse...

Muito legal a história! A máquina é um estilo só, me lembrou uma francesa que eu conheci em Buenos Aires. Ela conseguiu uma máquina muito parecida com a tua e começou a confeccionar ítens em couro e vender numa praça em San Telmo. A mesinha é puro charme, dessas coisas que se faziam antigamente, com um esmero que hoje é muito raro. Parabéns por mais essa conquista!
Bjoca, Thais

Milene disse...

aqui em casa tem uma regra no colorido : Evite cor de rosa!  e aí como não é minha cor favorita tbem.. dá tdo certo.. mas é legal como penso duas vezes se eu fosse um menino eu ia gostar disso? hehe ficaram lindos os feitos! a minha máquina herdada da minha avó, ainda precisa pegar um avião pra vir aqui pra casa =/

Analu disse...

Nossa quanto bom gosto!!!Amo Frida e Diego....como voce estampou?
Parabens!!!

Marion Creutzberg disse...

Muito linda a transformação... e essa máquina, muito show!!! Abs. 
Marion, do blog Criações em família & cia. 

Mani Maria Pereira disse...

que máquina perfeita!!! dos sonhos ;D ainda bem que vc conseguiu aprender a lidar com ela.

Artecessorios disse...

Thalita, vc está arrasando! A almofada eu ja tinha visto no post anterior e fiquei encantadissima, mas a capa da cadeira está perfeita. Estou adorando sua fase costureira, espero que não passe mais. Beijos e boas costuras. Rejane Custódio

Silguarnieri disse...

Lindas almofadas!!! Essa coisa de morar junto, decorar, colorir junto é divertido demais...aqui em casa para não ter problemas de "coloração", o meu namorado ficou com um quartinho (tb conhecido como escritório, biblioteca e quarto de visitas) e eu fiquei com o nosso quarto para escolher as cores, mas ele não me deixa ir a fundo nos tons rosas, no máximo roxo, lilás...rsrs... Tenho acompanhado o blog a mais de um mês já e desde então, temos alguns pallets esperando para virarem um sofá, mtas caixas de feira que viraram floreiras e revisteiro para o banheiro...e hj estamos radiantes pq reformamos um guarda-roupa....mta inspiração esse blog viu!!! Ahhh até te mandei um email com fotos de um sofá q temos aqui, velhinho, mas amado e confortavel..rs... qdo puder, responde...beijoos e ótimas "costuradas" para vc!

Luize Machado disse...

Ficou ótimo!!! E a parede rosa nem fez falta viu?! ;P hihi
Bjos

Fabiana disse...

Desde o post anterior, eu tinha ficado super curiosa para ver o resultado das almofadas.. ficaram ótimas.. Adorei a ideia do tecido de bandana..

jandomingues disse...

A minha mãe tem uma máquina parecida com essa, mas acho que é um pouco menos antiga, rs! Amei o forro das cadeiras! Mostra pra gente como foi que vc fez, as daqui de casa estão gritando por socorro!

Mônica Cardoso Reguffe disse...

Oi, Thalita! Que ÓTIMO que tu conseguiu domar a máquina! Sabe, todo mundo diz que as melhores são as antigas, pois as novinhas são descartáveis. Eu sempre quis uma também, até que ganhei a da minha avó, de 1900 e guaraná com rolha. Agora falta aprender a domar... Tu tem algum site ou manual pra me indicar? Muuuuuito obrigada desde já! Eu to louquinha pra costurar o mundo! :)
Beeijo!
Mônica Reguffe

Rachel - www.casacomafeto.com disse...

Pois é, eu acho incrivel esse mundo das blogueiras de faça-você-mesmo. A gente quer aprender a fazer TUDO sozinha! Eu aprendi muito sobre informática, fotografia, reforma de móveis, crochê... tudo pra montar o blog com capricho. E você teve coragem de encarar a máquina de costura! Ah, isso aí eu não arrisco, não...

Mariana disse...

Adoro coisas antigas, recordações antigas. Adoro mimos, heranças como sua máquina da vovó. Parabens por ser mça prendada e disposta, agora me animei pra costurar tb!:D

Izabel Melo disse...

Thalita, você se empolgou tanto com a costura que nem falou a cor da tinta da parede e como fez para esconder o rosa! Passou tinta branca antes? As almofadas ficaram ótimas e o forro das cadeiras idem. Achei lindo o bilhete de sua tia... Vivo numa nostalgia constante e morro de amores por estas coisas. Você é abençoada, menina... Beijos!

Isa Maiolino disse...

Engraçado você dizer isso, pois estou casada há 8 anos e meu marido já se conformou comigo... Temos uma mesa rosa na sala, e todo mundo que chega em casa pergunta: mas e o seu marido? Rs. O coitado do meu marido sabe que eu sou a louca das flores, do rosa e dos laços, então, já viu né... Ah, fiz um post inspirado no seu blog! Dá um pulinho lá depois pra ver! Beijos

Valéria disse...

São tantas novidades q a gente não sabe p/onde olhar sr.Tudo ficou mt lindo! Parabéns!!! Gostei mt da cor da parede.Q cor é essa?? Bjs

Nina disse...

Costurar é mesmo mt legal, divertido, a gente fica babando qd nota que pode, né? Uau!! to conseguindo fazer! uau! mt louco o sentimento que rola nessa hora. E outra coisa, acho bem dificil costurar, tenho raiva em saber que existem pessoas que destratam as costureirinhas do bairro, p ex. cara, colocar bolso em calcas é mt complicado,forro de vestido,dificilimo e até fazer uma fronha mais elaborada, é bem dificil... por isso, mil parabéns!!  Ahh a tua maquina é uma fofura, nao troca por uma nova e moderninha nao!! Minha avo tinha uma dessas e toda vez que vejo, preciso segurar as lagrimas pra nao passar vergonha :-) Saudade é f*...

Amo teu blog viu? Desde que te descobri no Decorar do GNT venho aqui ver o que vc ta aprontando.

Sobre marido e cores da casa, noooooooossa todos os nossos amigos devem achar que sou louca! a casa é uma overdose de cores e mudo tudo a toda hora. E marido? Nem ousa falar alguma coisa, afinal ,quem cuida da casa? quem passa, lava, cozinha, cuida de tres filhos, e ainda recebe marido de bracos abertos e uma cervejinha gelada? Euzinha! Ele adora tudo o que invento, só tem um pedido: nada de rosa! Só que até isso eu dou um jeitinho em pequenos detalhes, tao pequenos que ele nem nota :-)

Vc é uma linda viu?? gosto mt do teu jeito de escrever. E tuas super ideias de economia.

Suellencorleone disse...

ainda bem que vc não comprou outra maquina, essas são as melhores, tem estabilidade, fico feliz por vc aprender a costurar é muito bom

liliane disse...

oi Talita,adoro seu blog.Eu também sou louca pra costurar,tenho uma máquina (acho q igual a sua),q ganhei da minha tia,mas não sei costurar.Mandei até colocar um motorzinho nela o rapaz da loja me explicou tudo,mas como deixei pra depois esqueci tudo(rsrs).Agora q vc consegui fiquei mais animada.Vi também umas dicas no blog Superzíper.Bjs

Erivania Cavalcante disse...

Ahh amei, amei! Parabéns por cada uma dessas pequenas, porém grandiosas conquistas! "Yes, we can!" =) Ficou muito linda a parede nova, composição super clean, mas cheia de personalidade. Eu tbm estou na luta pra começar a costurar... mas falta a máquina hihi! Beijos !!

Casa_de_Colorir disse...

Valéria, a parede é uma mistura de cores que eu tinha aqui: Capirinha da Suvinil com Verde Verde Relaxante da Coral! beijo!

Pati Pessin disse...

 Aqui em casa a coisa mudou, no início marido não
queria nem saber de cores, depois que pintei uma parede de cereja e outra de
beterraba ele tomou gosto pela coisa e até me ajudou a pintar outras paredes de
grafite e amarelo.... esses dias sugeriu de pintar todas as paredes, ou seja, agora
eu que tenho que segurar a onda dele.. haha


Adorei a parede cinza, tenho essa cor aqui em casa também...


 


Super beijo


Pati


http://baiucadasgurias.blogspot.com/

Valéria disse...

 Obrigada! Minha casa anda mt branca e essa cor me deu ótimas ideias ;) bj

Carla disse...

Ficou linda sua mesa de jantar, adorei as cadeiras com as estampas! E a cor da parede? Aqui o marido também te receio de cores, mas está aprendendo a não se importar, o que fazer se a esposa é colorida!? kkk
Boa semana!!
Carla
http://pinkdesigndeinteriores.blogspot.com.br/

Bia Couto disse...

Olá,

Olha que bacana!

http://www.ecodesenvolvimento.org.br/posts/2012/marco/designers-criam-estante-suspensa-com-peliculas-de

Paula disse...

Costurar é delicioso!!  E máquina é máquina, não importa a idade, e eu te falo as melhores são as antigas mesmo. Essa que você tem é uma das melhores, e linda!! Adorei as fotos antigas, meu marido e eu adoramos tudo que tenha mais de 30 anos. E você já tá craque na costura heim?? beijos
Paula

Audenisilva disse...

Oi Thalita, tudo bom?

Me sinto encorajada a comprar uma máquina de costura, principalmente após ler e ver um post como o seu!
Sou filha de costureira, e das boas, fazia até vestido de noiva!!!
Na época de infância cheguei a me aventurar ou a "reinar" - mexer - na máquina da minha mãe, mas já adulta, sem tempo nenhum, as poucas vezes que me atrevi senti a máquina rápida demais para mim, rsrsrs

Mas ... tenho pensado muito, e ainda mais lendo e vendo tua postagem, ah, dá uma vontade de me aventurar "pelos mares dos tecidos, linhas e sianinhas", será mal de publicitária gostar de artesanato, decoração, culinária e tudo que é lindo??? rsrsrs


Beijos e ótima semana


Audeni

Jéssica disse...

Ta ai a inspiração do que fazer com CDs que não quer mais
http://acasahomedesign.com/interiores-2/decor-do-dia-hbo-office/#.T2dbCsUgf7Q 

SileneArteEReciclagem disse...

É uma delícia costurar, que maravilha vc aprendeu...parabéns!!Eu tenho uma máquina dessa, ela é ótima!!Sua sala de jantar ta linda!!Bjinhos!!

Liza disse...

MENINA ME DIGA COMO CONSEGUIU A ESTAMPA DA FRIDA!! EU ADOREI!!! TO PENSANDO EM COSTURAR TAMB´´EM!!!!

Jane disse...

Gente que maximo! Tambem entrei nessa paixao pela costura. Ganhei uma maquina de costura de uma lista de reciclagem online, nao tao antiga assim nem com esse valor sentimental todo. Mas tem lá os seus mais de 30 anos, a maquina. Ja teve toalha de mesa virando forro de almofada, cortina tambem. Ja teve reformas em roupas tambem. Beijo!

Lar Sempre Lar disse...

Thalita aki em csa é completamente diferente, ele também adora cores.
Permite que eu colora a casa sem medo, inclusive me inspirei na sua parede e fiz uma na minha sala de jantar. O único ambiente que preservei foi a sala, mais ainda sim tem uma mesinha amarela super charmosinha. Ficaram lindas suas almofadas, eu também aprendi a costurar sozinha. Adorooo
Bjoss Kerlei

Paula Laranja disse...

Oi Thalita, tudo bem? 

Meu nome é Paula e, como você, sou leonina, curiosa e estabanada... rsrs 

E, além de todas essas coisas, também temos em comum o gosto por reinventar as coisas e os lugares... 

Acompanho seu blog há meses e A DO RO tuuudooo... Parabéns pela iniciativa e pelo bom gosto. Tudo que vc coloca a mão, fica lindo!! Estou postando aqui pra te pedir uma ajuda. Estou querendo pintar uma parede da minha sala e ainda não tinha encontrado uma cor que me agradasse. Mas essa sua parede, que era rosa, é perfeita. Exatamente a cor que eu quero... rs Vc pode me dizer qual nome dessa cor? sem querer te perturbar e já perturbando, né?! rsrs 

É isso..
Vou continuar por aqui.. me inspirando!!! :)
Bjs

Paula.

Casa_de_Colorir disse...

É Roseiral, da Coral! :)

E é linda mesmo!

Jussara Neves Rezende disse...

Texto adorável. Amei! =)

Debora Moura Martins disse...

Ficou linda a cor da parede. Pintei meu quarto de cinza, depois do poste não tive duvidas, ficou lindo. Thalita, você ia ficar orgulhosa da sua leitora. Meu quarto ficou estilo Casa de Colorir. 
Obrigada.
Beijos
Débora

Erica Mello disse...

Qual é a nova cor? ;*
Lindo tudo!!

Bruno disse...

poxa que bonito vc ter a máquina de costura da sua avó. nas casas das minhas duas avós, tinha umas máquinas dessas aí enormes e lindas com vários dedais de linha nas gavetinhas. antigamente era tão comum fazer roupa em casa, consertar e remendar... pena que a gente perdeu esse hábito. agora vc precisa comprar um ovo de madeira, daqueles de costurar meia furada para ter o kit completo!! 

Ruth Veras disse...

Ela é linda ! Espero que crie bastante.
Adorei o novo visual da casa também.
bjsssssssssssss e sucesso.
:D

Marise Dap disse...

Thalita, tenho uma máquina igual a sua (pretinha) mas não tenho o manual, será que dava pra vc me enviar por email? marise.dap@hotmail.com , irira ficar muito agradecida.Adoro o seu blog,quando ví a máquina quase tive um troço de tão contente que fiquei.quebra essa aí vai???????Bjs

Casa_de_Colorir disse...

O manual tem 46 paginas! :(

Caroline Gomes disse...

Thalita, eu tenho uma máquina de costura igual, acredita? ela é meu criado mudo! mas ela já veio vazia, só a mesinha. também tenho outra maior, da Singer, que serve de outra mesinha aqui no quarto, essa tem um pedal lindaço, etc! adoro, mas preciso também investir nos meus dotes cosedeiros! tenho certeza que tem algo aí! beijos e parabéns :* 

Gislenesoaresdasilva disse...

Olá Thalita, lendo o seu delicioso texto ( olha que eu sou professora de Português e entendo da coisa... )  lembrei - me o quanto apanhei pra aprender a costurar aos quase 40 anos... E a responsa foi grande porque sou filha de costureira de mão cheia que aprendeu a costurar sozinha aos 14 anos... ( meio atrasadinha pra seguir a tradição familiar, não acha ? )
A "memória " da costura de minha mãe permanece  em meu coração... Foram uniformes escolares, vestidos de formatura e até vestido de noiva magicamente confeccionados pelas mãos habilidosas da dona Lau...
Assim como vc também tive muitas dificuldades, principalmente pra pegar a linha da bobina com a agulha ... Ai como sofri ! Mas agora , algum tempo depois... " tchan " ...  Aprendi a deliciosa arte de unir retalhos em um curso de patchwork...
Também costuro em uma velha máquina SINGER , modelo PRET A PORTER , que ganhei de minha mãe...
Bom, já falei demais e , mais uma vez, peço a sua honrada visita em meu humilde blog ... Beijo e boas costuras !

Marleide Bomjardim disse...

Oi tá rolando um sorteio de aniversário do meu blog, os mimos são vasilhas lindas da Tupperware e bijou, ficarei feliz com sua participação, passa lá!
Bjos...

Mellise disse...

Mas tem dessa máquina pra comprar mesmo nos dias de hoje, não? Vi no dia que fui na assistência técnica da Singer.
Deve ser essa onda vintage..
Ah. amei as almofadas da Friducha, e a opção de mudar de lado, ainda mais que eu enjôo fácil das coisas.
amei seu blog!
Beijos

VivianMoutinho disse...

Eu ja tinha reparado que era uma reliquia no post anterior, onde aparecia so uma pontinha... Delicia sua maquina, minha vo tem uma igual. Vovó ja se foi, mas a máquina ta la, guardadinha e funcionando. Eu ja teria trazido ha seculos, mas minha mae não deixa. Triste, mas ela acha que eh melhor deixar empoeirando na casa de Angustura. E ó, sua maquina tem a sua cara! Cara de coisa linda, rara e cheia de história. C ja sabe fazer casa? Me ensina? =)
(quebrei a minha tentando costurar velcro. Tem que mudar a agulha, viu?)

VivianMoutinho disse...

AAAAAH, esqueci: marido a gente doma, vc bem sabe! O meu ja ta ate sugerindo mesa de centro vermelha! rs. 

DANISCHWAB2 disse...

OI Thalita, costurar é mto bom mesmo! Olha as minhas costuras no www.estudiocraft.blogspot.com
 Mata a minha curiosidade... como tu fez a frida nos tecidos? Adoooreeei! bj

Alguinha disse...

http://meutelie.com.br/ achei a cara do blog. é um pessoal que faz estampas exclusivas...

Aline Coelho disse...

O parênteses mais amado que já li! Sua máquina é igual à que foi de minha vó e passou pra minha mãe e, agora que mãezinha partiu, vou trazê-la pra minha casa. Sei que com ela virá a força, o amor e a inspiração pra que eu finalmente tome coragem de aprender a usá-la. :)

Flavia Santos disse...

Lindona, sua máquina, Thalita, e não se engane, as máquinas antigas são melhores do que as novas, palavra do meu técnico, que cuida da minha maquininha.

Crischok disse...

Bom dia Thalita.Vc sempre surprendendo e descobrindo novas habilidades a cada dia(pra variar) rsrsrs. So faltou colocar mais detalhadamente a nova cor da parede que era rosa e agora é ????  beijos

Stephany disse...

Ainda não tenho uma, nas a minha vó (que na verdade é vó do meu namorado), já disse que posso usar quando quiser a dela que tá lá, encostadinha, só esperando o momento de ser feliz novamente. Portanto, não tenho dúvidas que vou cometer várias estripolias com ela. E viva a MÁQUINA DE COSTURA!

Sueli Particelli disse...

Thalita, adoro tudo que vc posta. As cadeiras ficaram lindas pois o tecido escolhido combinou perfeitamente bem com a cor das pareders. E adorei o parênteses sobre a máquina de costura. Parabéns!
Comecei um blog há pouco mais de um mês. Se puder fazer uma visitinha e deixar seu comentário, vou adorar!
bjs
Sueli
cantodasartes-sueli.blogspot.com

Alessandra disse...

Que legal Thalita! Acho linda esta máquina, meu avô que era alfaiate tem uma, mais não quer saber de me dar... (ele morre de ciúmes da máquina!). To querendo muito aprender a costurar... Parabéns vc ja começou muito bem, fazendo almofadas lndas!

Carla disse...

Thalita, 
tambem sou carioca e so queria dizer que descobri seu blog sem querer bem no comecinho ha mais de 1 ano atras! e to agora aqui, morando do outro lado do mundo (Australia) e ate hoje sempre leio, acompanho e crio algumas coisas pra minha casinha ficar mais com cara de lar tambem, isso quando passo do estagio negativo de pensar "nao vou conseguir fazer tao bonito". Mas quase sempre eu venco essa barreira.Parabens por todas as conquistas e por ter dado inspiracao pra tantas pessoas que assim como eu precisam de um empurraozinho! Grande beijo.

Silmara disse...

Oi Thalita, as almofadas ficaram lindas!!! Como fez essa estampa da Frida? Adorei!!! Beijos

Laura Detomini disse...

Oi Thalita!
Nossa conheci seu blog há pouco tempo e já estou apaixonada pelos assuntos! Entrei há pouco tempo neste universo de blogs mas é muito gostoso! No meu blog www.hojetemvisita.com falo sobre coisinhas para a cara, faça você mesma, receitas, arranjos florais... Adorei estes assuntos!
Parabéns pelo blog!
Beijos, 
Laura

Carolina Lima disse...

Fala sério, Thalita! Você tem o dom pra coisa, tudo que coloca a mão "vira ouro", parabéns! E se a máquina é cheia de sentimento então, vai ser só sucesso!

Quanto às cores aqui em casa é tudo bem tranquilo, o namorido até gosta!

Beijos
www.fuialicasar.wordpress.com

Bruna Alcântara disse...

Gostei, adorei as almofadas! O estilo, estampa da Frida e as cores.
Ah! Thalita, você escreve muito bem! Quando leio seus textos imagino como se você estivesse conversando comigo pessoalmente, você escreve de uma maneira tão íntima e sem rodeios ;) bjos e sucesso
brunalcantara.blogspot.com

Georgiagell disse...

Parabéns, Thalita por esta nova fase da vida. Agora prometa que não vai deixar esta casa em tons  beges ou terrosos "pelamordedeus". Tenho muita sorte, meu esposo é artista plástico e ele mesmo faz as cores das tintas, então temos uma das paredes da sala  em tom cereja, a do quarto em tom de lilás, a dos livros amarela, banheiro e quarto de hospedes azul. Na cozinha um quadro negro. Todos os tons são permitidos, e ele trouxe mais cor a minha vida, como disse a Vivian Moutinho "homem a gente doma" rsrsrsrs! Muitas cores na sua vida sempre

Hellen Gomes disse...

Ok Ok Ok .... apaixonei pela historia. Me deu até saudades da minha máquina que está lá quietinha só aguardando a mudança para poder brincar com ela

Andressa J. Martins disse...

Nhai, fiquei com saudade da parede rosa... =( snif.

Camila disse...

Linda, linda sua casa!!!!
Thalita, queria umas dicas de onde comprar tecidos lindos como os que vc usa, e se possível baratos!!
Bjoos

Fox Melody disse...

Moça, que legal a história da sua máquina. Estou para ganhar uma da minha avó querida, e já estou toda ansiosa para ter a menina aqui em casa. *_*
Ficaram lindas as almofadas, parabéns!Depois quero te mandar fotos de uma mesinha de máquina de costura que achei tristinha, riscada e jogada no lixo aqui pertinho de casa. Estou reformando ela e já está ficando linda. Me inspiro muito nas coisas que vc faz e escreve aqui no blog. Adoro a sua casinha, ela é linda.
beijocas e bom findi pra vc.

Betina Paulon disse...

Eba!!! Adorei!!! Te confesso que eu aproveitei a viagem do meu namorido pra aprontar com as cores aqui em casa... rsrsrs

Thalita do céu, me ajuda com uma coisa? Vi um post seu lááááá perto do Natal com uma luz de pisca com aquelas coisinhas de café expresso. Amei muito, pedi para a dona de um café da minha rua guardar pra mim, estou com milhares e não sei como abrir! Ahhhh!!! Como faz???

beijosbeijos

Anadelinha disse...

Impossível não comentar. Minha vó tinha uma dessas e passou pra minha mãe (única das 5 filhas que aprendeu a costurar). Cresci ouvindo o barulho do pedal (tátátátátátá). Aí ela parou de funcionar e minha mãe não conseguia as peças de reposição. Nos mudamos pra um apartamento menor e foi dado um destino a ela que eu não sei qual. Depois, minha tia (irmã do meu pai) passou pra minha mãe uma máquina Vigoreti, verde, que tem uns 15 anos aqui em casa (mas já tinha uns 20 com minha tia). Mas ela não tem uma "mesinha" feita a Singer, é super pesada e precisa ser carregada do baú do quarto pra mesa de jantar quando minha mãe precisa dela. Minha mãe tem planos de comprar uma máquina mais leve, dessas com vários tipos de pontos e tal, mas eu tô de olho na verdinha da minha tia. Já até visualizo um lugar só pra ela na minha casa, que tem mais espaço livre. Não queria perdê-la como perdemos a pretinha.

Anadelinha disse...

Quanto ao colorido, meu queridão é ilustrador a sai desenhando por todo canto. Pode até ter parede verde fosforescente, ele não liga. Ele só chia quando faço cubro alguma superfície com tecido ou papel estampado. "Pô, mas eu ia desenhar aí..."

Psi_ac disse...

Minha meta tbm é aprender a costurar, pois só forrar e colar, não dá. Mas atualmente estou tentando alegrar minha varandinha... estou tentando fazer um quadrinhos (moldura velha, contact, tintas...) mas falta o principal: a gravura. Bom queria fazer uma homenagem a cada um dos meus filhos, e precisava da colaboração de alguém, já que meus talentos em desenhos são mínimos, o google ainda não ajudou, e então estou aqui com a maior cara de pidona...
Tenho uma moça de quinze anos, a Larissa, que é minha florzinha, e tive gêmeos no ano passado, o Thailer, o meu príncipe, e o Gregory, agora meu anjinho, pois faleceu com alguns dias...
Tentei desenhar letras estilizadas com seus apelidos, mas não consegui (snif)... Me dá uma dica? Ah, depois te mando o resultado... Bjins, Aline

Casa_de_Colorir disse...

Achei fofa a maneira como vc se referiu à máquina...:) tomara que essa verdinha tenha um destino mais feliz!! Beijos, Tha

Casa_de_Colorir disse...

Você abre a parte da tampa de metal com uma tesoura ou abridor de latas. Sai fácil! Tira tudo e o pó de dentro, fazendo ficar tipo um copinho. Depois vc fura o fundo do copinho com uma furadeira pra passar o pisca! Beijos!

Veronica VozdoFogo disse...

Puxa, a primeira coisa que não gostei na sua casa: a parede cinza... o rosa não é das minhas cores favoritas, mas é menos sério, um pouco mais alegrezinho. O cinza ficou tão sóbrio que nem parece sua casa de colorir...   :c

As almofadas ficaram lindas dos dois lados.

Betina Paulon disse...

Uhul!!!! Consegui!!! Chocada em como era tranquilo e eu não sabia! Thanks, querida!!!!

Vanessa Eder disse...

Costurar é tudo de bom, mesmo!!!
Olha, costumo dizer que pra homem existem três cores:
Preto, branco, e colorido!
As vezes percebo o quão verdadeira é essa premissa...rsrsrs

Maristela disse...

que linda!!! minha mãe tinha uma igual......adorei as almofadas...bj

Mayarideg disse...

Thalita!!! Por favor me conta qual a cor linda que vc usou pra pintar a sua ex parede rosa, please! Estou de mudança e amo novas cores na parede, mas sempre tenho receio de errar na cor com aquelas maquinas de misturar tintas que nos enganam!!!
Brigaduuu
bjo
Maya

Fabiana Dellamore disse...

Oi Thalita, já ví nos comentários que o manual tem 46 folhas, vc sabe onde posso baixá-lo??? minha mãe tem uma máquina igualzinha, mais nunca conseguiu se adaptar a ela, comprou uma máquina nova, e a antiga singer ,está lá encostada. Gostaria tanto de aprender a costurar nela. Mais sem o manual é impossível, vc mesma viu o quanto é difícil. Obrigada.

Luana disse...

Que máximo!! Acredita que minha mãe tinha uma dessas LINDA, com a mesinha e os pés, e deu pra uma cunhada dela que costurava pra fora, e ela NUNCA usou. Simplesmente parou de costurar e ta lá na casa dela enferrujada no canto. E a vontade de pedir de volta? hahuahuahu mas deixa quieto!

Thalita, você precisa fazer um post sobre o que fazer uma mesa de aço de bar, daquelas dobráveis sabe? Porque meu marido insiste em ter esse troço em casa! Eu explico: ele morava em uma república antes de ficarmos noivos, como todos foram casando só sobrou ele... então acabou ficando com muita coisa VELHA de estudante. Já convenci ele a jogar muita coisa, mas a mesinha ficou! Assim que nos mudamos, ela era bem útil, porque servia de apoio pra comida, já que almoçávamos/jantávamos sentados no sofá. Mas agora, temos mesa, cadeira, e ela não serve de nada...quer dizer, as compras do mês ficam em cima dela, já que ainda não temos fruteira ou algo parecido. Acho que a mesa deve ter algum valor sentimental ahuhuahua Tem como fazer algo com isso? Sei lá uma pintura diferente, onde colocar, usar a mesa como, em que situações?
Ela é preta, pintada toscamente de preta... com um fundo azul bebê. Mais trash impossível!

AMOOOO teu blog, me inspira demais!! 

Mariana Tomaz disse...

Geeente, na minha casa tem uma exatamente igual a essa. Mas nao sei usar direito. Era da minha bisavó, e ela não está mais entre nós. Ela tentou me ensinar quando eu tinha meus 14 anos, aprendi um pouquinho, mas não sei trocar a linha da bobina. Espero um dia ter disposição pra usa-la. Vc tem um manual dela?

Elaine Cristina disse...

Oi Thalita! Tem um tempo já que visito sempre seu blog, e gosto muito!
Ao ver a máquina lembrei-me logo da singer que minha mãe tinha e vendeu.
Senti saudades pois mesmo criança eu sabia colocar linha e ficava observando 
minha mãe costurar. Aqui em casa temos uma outra que não está boa.
Eu comecei um curso de corte/costura e não vejo a hora que colocar em prática.
Eu pinto em tecido e gosto de artes e artesanato em geral. Visite meu blog!
Parabéns pelo casa de colorir, é show!!!
bjs...
lana cristina
http://lanacristinapinturas.blogspot.com.br/ 

Waneska Ferreira disse...

Thalita, amei o post, adorei o novo estofado, os quadros, e as almofadas estão show, a parede cinza tb...hehehehehehhe. bjus

Renata Mendes disse...

 Anadelinha, eu tb tinha uma Vigorelli verdinha, herdada da minha avó, que era uma costureira mestra. Até cheguei a dar uns volteios com ela, mas acabou precisando de peças de reposição que não existem mais. Fora isso, realmente ela pesa duas toneladas! Assim, ela se foi, para as mãos de um amigo que a queria mesmo quebrada... Agora, já estou na linha de sucessão da singer velhinha da minha sogra, que vem de inúmeras gerações passadas... :)

Annacarolinef disse...

Oi Thalita! Amei seu post porque também tenho uma igualzinha a sua, só
que a minha é manual (de pedal) ainda... hehehe. Sou louca para aprender
a costurar, em especial vestidos. bjs.

Luisa disse...

Thalita, qual é a cor exata da sua parede? Eu amei esse tom de rosa! :)

Gisele Calamara disse...

Já disse aqui outras vezes, mas repito, adoro seu blog!! Difícil isso mesmo de usar cores que agrade o marido também! Por mim colocava tudo colorido, mas tenho que respeitar o gosto do outro também né...rs
Thalita, você sabe me dizer onde encontro moldura barata aqui no Rio de Janeiro? Compro na tock stock mas não é muito barato não...conhece outro lugar pra me indicar??
Ah! E quando você vai começar a vender suas criações aqui no Blog?? Estou louca para comprar!!!
Beijos Gisele 

Danubiajanner disse...

Thalita estou encantada com seu espaço e com a simplicidade que vc trata tudo,
É de encher os olhos e o coração, bom sentei aqui no pc 11:00 e ja sao 16:00 vi todas as paginas... Parabéns....   

Casa_de_Colorir disse...

Roseiral da Coral!

Gislenesoaresdasilva disse...

Desculpe , mas não tinha visto o meu comentário aqui... Obrigada por tê - lo publicado ! Amo as coisas que vc faz e gostaria de umas dicas para atrair visitas ao meu blog... Eu não tenho todo o conhecimento de informática para incrementá - lo, porém estou me esforçando para aprender , eu só sei que produzo bastante artesanato ,capricho nos posts , faço tudo com carinho, mas não recebo visitas... snif, snif...

Karen Barcelos disse...

Oi Talita!!! Adorei tuas almofadas!! Você pode me  dizer onde comprou o papel transfer? Moro em Brasília e aqui não acho em nenhum lugar. Obrigada!!!

arlete disse...

Adorei os posters!! mas fui verificar....como essa revista é cara!!!

Ana Elisa disse...

Ain! Tenho uma máquina dessas em casa! Tem 55 anos de uso e funciona muito bem! Fiz nela uma almofada linda, inspirada no post "Grão". Mamis quem me deu a máquina. É linda, linda!

Leonor Barroso disse...

Eu também tenho uma máquina igualzinha a essa!!! Pertenceu a minha mãe, que me deu quando eu me casei há 34 anos !!! E ele ainda funciona perfeitamente! De vez em quando leva um banho de óleo pra "tonificar" !!  A minha veio numa mesinha igual a sua, com o tempo eu a passei para uma mala de madeira e posso usá-la onde quiser ou estiver mais confortável. Aproveite-a com alegria! bjs

Lucinhafontes disse...

Oi Thalita...
Antes de tudo gostaria de dizer que seu blog mudou minha vida, pra melhor claro.

Gostaria de saber, como faço pra adaptar uma maquina de costura dessa, mas manual em uma mesinha.

Obrigada, beijo.

Lucinha Fontes

Malu Frazão disse...

Oiê! :D

Também morro de vontade de aprender a costurar! Minha irmã já conseguiu aprender e disse que me ensina, só tô precisando de tempo... onde é q vende? kkkkk

Só uma pergunta: essa estampa da Frida é stencil ou o q? Amei essa idéia de sobrepor num tecido estampado!

Michelle Vargas disse...

Gostaria de saber onde encontro pra comprar o stencil da Frida Kahlo que esta na almofada email michellesouzavargas@gmail.com
Aguardo contato bjs adoro teus trabalhos...

Michelle Vargas disse...

Gostaria de saber onde encontro o stencil da Frida Kahlo que esta n aalmofada para comprar.. adoro teus trabalhos aguardo contato michellesouzavargas@gmail.com

Anônimo disse...

Olá Thalita, gostaria de saber a cor usada nessa parede (que antes era rosa).Obrigada, bjos!!!!

Fique por aqui e passeie por outras histórias. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...